Fature Com Jogos Sociais

O famoso Facebook foi cotado pelo Google em maio de 2011 com mais de 500 milhões de membros, um verdadeiro rolo compressor que inspira muito, muito sucesso. Muitas empresas têm aproveitado essa oportunidade para crescerem juntas, como a desenvolvedora de jogos sociais Zynga, dona da não menos famosa Farmville, franquia que chegou a US$200 milhões em receita em 2010 (inacreditável!). Não é por acaso que ela é a detentora dos direitos de outros cinco grandes sucessos de bilheteria do Facebook (City Ville, Empires & Allies, Castle Ville, Zynga Poker e Mafia Wars 2), e todos eles foram criados em Adobe Flash. Portanto, talvez seja o momento de levar realmente a sério essa plataforma e ganhar algum dinheiro nesse mercado bilionário. Como complemento a este artigo, indicamos a leitura do Ganhe Dinheiro Como Desenvolvedor de Jogos Flash e 10 Maneiras Eficientes de Ganhar Dinheiro Online.

Como desenvolvedor de jogos em Flash, você pode gerar receita tanto trabalhando sozinho como em uma pequena equipe. E é bom que esteja de olho em duas vertentes que têm crescido vertiginosamente: a de jogos casuais e para dispositivos móveis.

Modelos de receita para games casuais variam drasticamente. Os jogos sociais online são geralmente gratuitos, mas executados em páginas que apresentam banners publicitários. Os proprietários do site ganham dinheiro ao direcionar o tráfego para sites de terceiros. Outros, incorporam a marca do produto dentro do jogo. São os chamados “advergames”. Sites de filmes e brinquedos muitas vezes incorporam advergames como parte de uma campanha promocional.

Outra forma de ganhar dinheiro com jogos casuais é pelo modelo “freemium” (falaremos mais detalhadamente à frente). Neste cenário, os usuários podem jogar a versão gratuitamente, mas pagam para ter uma experiência mais completa. Outros métodos de gerar receita incluem assinaturas e microtransações, ou seja, a compra de determinados itens para desenvolver algumas partes do jogo um pouco mais rapidamente.

Como Funciona o Mercado de Jogos Sociais

A Mochi Media é uma empresa que fornece ferramentas para ajudar desenvolvedores a rentabilizarem seus jogos. Fizeram uma exaustiva pesquisa de mercado para descobrir quem e como estão investindo nesta área. Passamos a relatar alguns fatos bastante interessantes que podem estimular de uma vez por todas o seu interesse:

Novos talentos estão entrando no mercado de jogos a toda hora. Quase dois terços dos desenvolvedores que responderam começaram a criar jogos nos últimos dois anos. Os desenvolvedores são geralmente independentes, com apenas 8% por cento trabalhando em um estúdio ou empresa de desenvolvimento. Trabalham em grande maioria sozinhos (60%), e 29% trabalham em pequenas equipes independentes. Aproximadamente 35% dos desenvolvedores trabalham em tempo integral; 20% de todos os entrevistados relatam que ganham mais de US$ 1.000 por mês. Apenas 5% fazem mais de US$5.000/mês. Os ciclos de desenvolvimento são curtos, sendo que 50% dos desenvolvedores entrevistados disseram que cada projeto leva entre um e três meses. A grande maioria dos entrevistados trabalham exclusivamente com a plataforma Flash. E a informação que mais interessa aos leitores do nosso site: cerca de 70% desses desenvolvedores estão criando os jogos como um hobby ou negócio secundário, não sendo a sua principal fonte de renda.

Desenvolvendo Para Empresas

Muitos desenvolvedores na indústria de jogos Flash estão empregados em tempo integral. Estão incluídos os criadores das idéias, os designers, animadores, engenheiros de som e músicos, e claro, os especialistas em programação Flash.

Uma outra forma estável (além de gratificante e divertida) de ganhar a vida é oferecer as suas competências como freelancer. Mas para ter mais controle e gerar mais renda potencial, vale a pena criar bons jogos e procurar monetizá-los sozinho. No longo prazo, os benefícios são muito maiores.

Considerações Sobre a Monetização de Jogos Sociais Gratuitos

Historicamente, a melhor forma de criar renda com jogos gratuitos é através da exibição de anúncios em banners na mesma página HTML que contém o jogo em Flash, mas fora do jogo em si. Com o tempo, essa prática evoluiu para incluir anúncios dentro do jogo por meio de APIs especificamente programadas. Ao clicar nos anúncios, abre-se uma nova janela (do anunciante ou patrocinador) e a receita é gerada com base no número de anúncios exibidos (impressões) ou na quantidade de tráfego gerado (cliques).

Além de apresentar anúncios individuais (ou usar APIs para criar redes de anúncios) é bastante comum ganhar dinheiro com patrocinio de um determinado investidor. O patrocinador inclui um link dentro do seu jogo que leva o interessado para o seu site. Por óbvio, os jogos bem sucedidos tem muito mais chances de encontrar clientes em potencial para os anunciantes, o que se reverte em maior sucesso financeiro para o desenvolvedor.

Patrocinadores geralmente assumem grandes riscos, porque eles não podem ganhar dinheiro direto com o investimento no projeto. Às vezes, a publicidade em um jogo funciona bem, enquanto outras pode ficar bastante aquém do esperado. Patrocinadores geralmente investem em uma ampla gama de projetos a fim de minimizar perdas.

Ao contrário dos patrocinadores, que incorporam seus anúncios e distribuem jogos na Internet, empresas de licenciamento muitas vezes incluem uma presença menor na franquia, porém, exigem que o jogo só esteja disponível em seu site. Por exemplo, grandes portais podem licenciar o seu jogo como sendo de conteúdo exclusivo.

A grande diferença entre licenciamento e patrocínio é que o licenciado quer o seu jogo para se tornar parte de sua propriedade. Isso geralmente melhora a consistência e dá vizibilidade ao jogo (e sua marca), tendo em vista que a empresa é capaz de gerar grande tráfego, segredo responsável pelo verdadeiro sucesso na internet.

Além dessas opções e estratégias de monetização, você pode ganhar dinheiro com a venda direta do jogo para os consumidores pelo preço que achar justo. Porém, este modelo tradicional de vendas tem se tornado menos popular nos últimos anos. Em parte, isso pode ser devido aos hábitos de compra dos jogadores, que evitam custos elevados tendo em vista as alternativas gratuitas ou baratas disponíveis online.

Freemium – O Grande Modelo de Negócio

Para fazer com que os jogadores se mantenham interessados no jogo, você pode oferecer experiências incompletas de graça, e, em seguida, permitir que os usuários “ampliem” suas contas para obter o jogo completo por valor fixo mensal.

Durante a experiência de jogo, muitas vezes entre os diveros níveis, os usuários são encorajados a converter dinheiro do mundo real em moeda do jogo virtual. Esta estratégia está se tornando cada vez mais popular e prova em números ser muito lucrativa: para este ano (2012) os investidores esperam cerca de US$3 a 5 bilhões em receita. Os americanos gastaram mais de US$3 bilhões apenas em taxas de subscrição no ano passado (2011). As pesquisas indicam que até 2015 os jogos online cheguem a US$10 bilhões em vendas!

A filosofia é manter o jogo divertido o suficiente para que o usuário se sinta limitado com a versão gratuita, então eles investem dinheiro real em itens que melhoram o jogo, como desbloqueio de armas, disponibilização de áreas secretas, melhoria das competências dos personagens, aquisição de acessórios e modificação de outros aspectos inerentes à experiência.

Muitas empresas oferecem uma variedade de opções de pagamento (como o PayPal). Se você é um desenvolvedor de jogos independente, com recursos limitados, apresse-se em utilizar desses serviços que cobram pequenas comissões por cada venda realizada.

Assinaturas

Os serviços de subscrição oferecem o teste gratuito para iniciar (ou cobram uma taxa introdutória mais barata) para permitir aos usuários experimentar e ver se gostam do jogo. Após o período de testes (geralmente 30 dias), os jogadores podem continuar jogando se fizerem pagamentos regulares (geralmente em uma base mensal). Um modelo de assinatura inclui muitos dos benefícios de uma configuração de microtransações.

Neste cenário, os jogos normalmente fornecem uma experiência profunda, envolvente, mas incompleta. Por exemplo, o conteúdo pode ser distribuído sob a forma de episódios. Ao fornecer esses episódios, reduz-se os obstáculos de desenvolvimento, bem como aumenta o foco na inovação, mantendo os jogadores leais e desejosos por mais surpresas.

Enquanto as assinaturas representam apenas um dos muitos modelos de negócio, ao mesmo tempo, está crescendo exponencialmente. O número de fiéis assinantes de jogos online, que totalizaram mais de 20 milhões no final de 2011, está projetado para mais do dobro (44,5 milhões) até o final de 2014.

Estratégias de Crescimento e Visibilidade

A Internet nasceu e foi criada em banners. Esta prática transitou para o setor de jogos durante seus primeiros anos. Grande parte do marketing online tradicional envolve simplesmente dirigir mais tráfego para um site. Portanto, não é nenhuma surpresa que a estratégia mais popular no momento envolve a incorporação de anúncios dentro de jogos.

As maiores empresas de games sociais (tais como Zynga, EA, e Playdom) são especialistas em autopromoção e marketing viral, estratégias que devem ser espelhadas se deseja sucesso neste negócio. Dentro e fora dos jogos, os usuários são incentivados a socializar suas atividades e realizações, e convidar seus amigos para jogar.

Você pode promover seus projetos a partir de um site próprio e ainda pelas redes sociais (como Twitter e Facebook) para gerar tráfego. Também é útil adicionar vídeos no YouTube como parte da campanha publicitária. Se o jogo for excepcional irá gerar a sua própria dinâmica e propagação boca a boca.

Tenha seu próprio site gratuito de jogos em flash!

Uma excelente maneira de entrar neste mercado bilionário e faturar com jogos sociais é por meio de um site de jogos online gratuitos. Existe uma enorme quantidade de scripts de alta qualidade disponíveis e neste modelo de negócio a sua principal fonte de rendimentos será por publicidade exibida e clicada pelos usuários.

Para a construção do nosso site Games – Clans at Wars, pesquisamos exaustivamente e chegamos a conclusão que atualmente o melhor script para site de jogos sociais flash é o MyArcadePlugin Pro, para WordPress. Esse script é muitíssimo completo, facílimo de usar, de grande apelo visual e publicitário (para ganhar dinheiro), com excelente suporte e otimização SEO, inserção automática de jogos com base nas melhores fornecedoras, entre elas a Mochimedia, mencionada acima, e o melhor de tudo: com um preço realmente excelente!

Existem 3 opções desse plugin: a Professional de $24,95, Ultimate de $29,95, e Carefree de $49,95. A única vantagem prática das versões Ultimate e Carefree sobre a Professional é a quantidade de jogos instalados inicialmente. Mas entendemos que na imensa maioria dos casos, a versão Professional é a ideal.

Esse script ainda fornece a opção de criar um acesso pago ao site, o que potencializa os ganhos sobremaneira após a sua estabilização no mercado.

Portanto, se deseja ter seu próprio site de jogos sociais em flash para ganhar dinheiro de forma passiva (e totalmente no piloto automático), não pense duas vezes: adquira o MyArcadePlugin Pro. Acesse o site oficial do plugin e adquira a sua cópia clicando aqui.

E se desejar consultoria para instalação e configuração do plugin, entre em contato conosco.

Conclusão

Jogos sociais casuais são um grande negócio, e por esse motivo, têm merecido destaque no nosso site. E a plataforma Flash é parte vital desta indústria. Enquanto as grandes empresas estão empregando os talentos existentes no mercado, gerando enormes receitas, uma incrível comunidade de desenvolvedores pessoais e pequenas empresas estão construindo uma vida bem sucedida nesta plataforma, o que abre um grande leque de oportunidades para todos os interessados. Afinal de contas, desenvolver jogos bem sucedidos, além de ser bastante divertido é muito bem remunerado. Em outras palavras, a sua chance de juntar o útil ao agradável. Pense nisso.

Leia também:

Boa sorte e até a próxima!

–x–

Se gosta e acompanha os artigos do blog, considere compartilhá-los nas redes sociais!

Cláudio Corgozinho

Advogado, Conferencista Internacional, Facilitador em Treinamentos Empresariais, Empresário, Escritor, Life, Executive & Professional Coach, Problogger, idealizador do Mais Dinheiro No Seu Bolso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *