A Estratégia do Oceano Azul - Descubra o Seu Caminho Para o Sucesso

A Estratégia do Oceano Azul – Descubra o Seu Caminho Para o Sucesso

O conceito do livro A Estratégia do Oceano Azul foi originalmente pensado como uma estratégia de negócio que surgiu em 2005. Para aqueles que ainda não estão familiarizados com o termo, falar em oceano azul é o mesmo que aprender a pensar fora da caixa, através da aplicação de métodos criativos e inovadores, mas a um custo mínimo. Independentemente do tipo de negócio ou nicho em que está inserido, entender esse conceito vai fazer a diferença entre ser apenas mais um no mercado ou estar a um passo do sucesso. Este artigo foi inspirado em 10 Perguntas Que Vão Transformar a Sua Carreira, e vai lhe ajudar (e muito!) a estabelecer a rota para um novo mar de oportunidades!

A filosofia por detrás da Estratégia do Oceano Azul foi desenvolvida por W. Chan Kim e Renée Mauborgne, no livro Ocean Blue Strategy. Basicamente, os autores vislumbram, metaforicamente, dois oceanos disponíveis: um vermelho, que representa o mercado selvagem, onde a grande maioria das empresas, para se estabelecerem frente aos seus clientes, travam lutas sangrentas, onde todas saem perdendo. O sangue derramado é o que torna esse oceano “perigoso” e desvantajoso.

Águas Azuis – O Segredo do Sucesso

Já o oceano de águas azuis, calmo e de potencial quase ilimitado, representa as oportunidades ainda não pensadas, portanto, inexploradas. Para sobreviver no atual ambiente de negócios, a estratégia do oceano azul diz que você deve ser capaz de aumentar a sua vantagem competitiva em relação à concorrência. Para isso, o seu negócio deve ser levado a um patamar totalmente novo, sendo necessário repensar o uso dos recursos globais e criar nos consumidores a necessidade para a oferta que já tem antecipadamente preparada. Em vez de simplesmente esperar por mudanças econômicas mais favoráveis ou “copiar” as novidades implantadas por seu concorrente, o empresário precisa criar novas oportunidades de negócios através do desenvolvimento ou exploração das suas vantagens competitivas de forma criativa.

Para que você possa entender melhor, veja a aplicação prática da Estratégia do Oceano Azul na área dos videogames. Dois exemplos de sucesso dessa prática podem ser encontrados no Nintendo Wii e DS, ambos, consoles da Nintendo. Foram projetados para atingir um público não tradicional, de forma a torna-los consumidores dos seus videogames.

Ao simplificar a interface (através de uma tela sensível ao toque no caso do DS e controles de movimento do Wii) e com títulos casuais, que proporcionam diversão para todos os familiares (jogos como Wii Sports, Wii Fit, Brain Training, etc), a Nintendo se colocou em uma posição de destaque em relação à concorrência (que logo correu para imitá-la) e aos seu próprios aparelhos anteriores, tendo em vista o nova estratégia e apelo de marketing.

Nessa mesma linha, a Nintendo inova mais uma vez com o lançamento do Wii U e 3DS. Com o primeiro, entre várias outras novidades, já é possível continuar a jogar enquanto os demais familiares assistem a outro canal. O 3DS inovou com a capacidade de se ver imagens tridimensionais sem a necessidade de óculos especiais. Nenhum outro videogame proporciona esta experiência. Alguém tem alguma dúvida do sucesso desses lançamentos da Nintendo?

Você é capaz de entender aonde quero chegar? A Nintendo permaneceu no seu mercado, mas criou vantagens exclusivas, que tornam seus aparelhos objetos de desejo não só para o público infanto-juvenil, mas também adulto. Isso faz com que seu domínio de mercado seja muito superior aos demais, e proporciona à empresa desfrutar de um oceano calmo e tranquilo, tendo em vista que os concorrentes estão sempre “correndo atrás” do prejuízo.

Ao invés de esperar o que a Sony (PSP) ou Microsoft (Xbox) poderiam fazer para prejudica-la, a Nintendo antecipou-se e ditou as novas regras tecnológicas do mercado, dando-lhe uma excelente vantagem competitiva.

Da mesma forma, você deve adaptar esse conceito aos seus próprios negócios se deseja aumentar seus lucros e estar à frente dos concorrentes. Você deve enxergar novos horizontes na sua área de atuação, parar de fazer igual e trabalhar com criatividade, de forma a impor seu produto ou serviço à sociedade. Você deve criar primeiro as soluções, para então apresentar novas necessidades. Foi justamente isso o que fez a Nintendo.

Não importa se sua atividade está relacionada aos meios tradicionais, online ou em casa. Independentemente de onde estiver, estará sempre a enfrentar algum tipo de concorrência. A única forma de superá-la é adaptar a Estratégia do Oceano Azul à sua realidade.

Acima de tudo, a Estratégia do Oceano Azul é uma analogia que bem descreve o potencial de espaço de mercado que ainda aguarda ser devidamente explorado. E se você fizer isso, esteja certo que terá muito sucesso!

E você, como aplicaria esse conceito ao seu próprio negócio?

Pense nisso e busque o seu sucesso!

Leia também:

–x–

Se você acompanha e gosta dos nossos artigos, considere compartilha-los nas redes sociais!

Cláudio Corgozinho

Advogado, Conferencista Internacional, Facilitador em Treinamentos Empresariais, Empresário, Escritor, Life, Executive & Professional Coach, Problogger, idealizador do Mais Dinheiro No Seu Bolso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *